Basta digitar sua palavra-chave e nós ajudaremos você a encontrar o que precisa.

O que você está procurando?

PROGRAMAÇÃO CIENTIFICA

PRÉVIAS DO RECIFE 2020

14:00 – 18:00 – CE1 CURSO ESPECIAL DE TRICOSCOPIA (CE) – Vagas limitadas

Coordenação geral: Mariana Lima (PE)

Professores convidados: Antonella Tosti (Itália), Aline Donati (SP), Bruna Estrada (RJ), Daniel Fernandes (RJ), Isabella Doche (SP), Leonardo Abraham (DF) e Yanna Kelly (SP)

Sinopse: Começaremos nosso congresso mais cedo! Para aqueles que se organizarem para estar em Recife na quinta-feira (30 de abril), o programa é tentador. Um curso intensivo de TRICOSCOPIA capitaneado pela Professora Antonella Tosti e um timaço de professores brasileiros em uma formatação inédita no Brasil, que lhe trará uma vasta atualização. Imperdível!

CURSOS PRÁTICOS

CURSOS PRÁTICOS HANDS ON (CPH)

Nos cursos hands on, turmas de apenas 4 participantes, terão a oportunidade de tratar os pacientes selecionados sob a orientação de um professor estudioso do tema em questão durante um período de 4 horas.

Local: Santa Casa de Misericórdia do Recife Av. Cruz Cabugá, 1563 – Santo Amaro

CPH 1 – Toxina botulínica avançado (ESGOTADO)

  • Ministrante: Ada Trindade (SP)

CPH 2 – Toxina botulínica avançado

  • Ministrante: Sérgio Talarico (SP)

CPH 3 – Toxina botulínica do básico ao avançado

  • Ministrante: Patrícia Ormiga (RJ)

CPH 4 – Toxina botulínica do básico ao avançado (ESGOTADO)

  • Ministrante: Alessandra Romiti (SP)

CPH 5 – Ácido hialurônico – tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Bruna Bravo (RJ)

CPH 6 – Tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Lígia Colucci (MG)

CPH 7 – Ácido hialurônico – tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: André Braz (RJ)

CPH 8 – Preenchimento labial e perioral (ESGOTADO)

  • Ministrante: Meire Parada (SP)

CPH 9 – Preenchimento periorbital (ESGOTADO)

  • Ministrante: Daniel Coimbra (RJ)

CPH 10 – Ácido hialurônico – contorno da mandíbula e terço inferior da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Alessandro Alarcão(GO)

Nos cursos hands on, turmas de apenas 4 participantes,  terão a oportunidade de tratar os pacientes selecionados sob a orientação de um professor estudioso do tema em questão durante um período de 4 horas.

Local: Santa Casa de Misericórdia do Recife Av. Cruz Cabugá, 1563 – Santo Amaro

CPH 11 – Toxina botulínica Avançada (ESGOTADO)

  • Ministrante: Ada Trindade (SP)

CPH 12 – Correção de cicatrizes de acne

  • Ministrante: Bogdana Kaduc (SP)

CPH 13 – Microagulhas nas alopecias

  • Ministrante: Bárbara Uzel (DF)

CPH 14 – Subincison na condução da Celulite

  • Ministrante: Rose Mazzuco (RS)

CPH 15 – Condução de pequenos tumores benignos e malignos

  • Ministrante: Lauro Rodolpho (PI)

CPH 16 – Indução Percutânea de Colágeno com Agulhas em melasma

  • Ministrante: Daniel Cassiano (SP)

CPH 17 – Tratamento das estrias

  • Ministrante: Rogério Ranulfo (GO)

CPH 18 – IPCA® e TD na condução de cicatrizes de acne

  • Ministrante: Renata Sitonio (SP)

CPH 19 – Correção da orelha fendada

  • Ministrante: Adeiza Branco (PE)
CURSOS PRÁTICOS DEMONSTRATIVOS (CPD)

Nos cursos demonstrativos, turmas com 8 participantes, terão a oportunidade acompanhar o tratamento ao vivo de pacientes selecionados pelo professor expert no tema em questão durante um período de 3h .

Local: Santa Casa de Misericórdia do Recife Av. Cruz Cabugá, 1563 – Santo Amaro

CPD 1 – Blefaroplastia superior

  • Ministrante: Mauricio Paixão (SP)

CPD 2 – Blefaroplastia sem cortes – Radiofrequência Pulsada com Multiagulhas (RFPM®)

  • Ministrante: Érica Holanda (CE)

CPD 3 – Transplante de sobrancelha

  • Ministrante: José Régis Jr. (MG)

CPD 4 – Retalhos na condução de tumores cutâneos

  • Ministrante: Gabriel Gontijo (MG)

CPD 5 – Indução Percutânea de Colágeno em melasma

  • Ministrante: Renata Sitonio (SP)

CPD 6 – Pequenos procedimentos em consultório (cistos, lipomas, nevos)

  • Ministrante: Bruno Santana

CPD 7 – Acido Hialurôncio e bioestimuladores no tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Jayme de Oliveira Filho (SP)

CPD 8 – Pequenos procedimentos cirúrgicos de consultório (Lipomas, cistos, nevos)

  • Ministrante: Flávio Luz (RJ)

CPD 9 – Condução cirúrgica de lesões ungueais

  • Ministrante: Tatiana Gabbi (SP)

CPD 10 – Policaprolactona no rejuvenescimento facial

  • Ministrante: Denise Steiner (SP)

CPD 11 – Peelings superficiais e médios para face e corpo

  • Ministrante: Andréia Mateus (RJ)

CPD 12 – Toxina botulínica básico

  • Ministrante: Eloisa Ayres (RJ)

CPD 13 – Toxina botulínica avançado

  • Ministrante: Fabiana Wanick (RJ)

CPD 14 – Toxina botulínica avançado

  • Ministrante: Ana Paula Meski (SP)

CPD 15 – Toxina botulínica para hiperidrose

  • Ministrante: Maria Del Pilar Biot (RJ)

CPD 16 – Toxina botulínica panfacial

  • Ministrante: Domingos Martins (SP)

CPD 17 – Criocirurgia

  • Ministrante: Carmélia Reis (DF)

CPD 18 – Eletrocirurgia

  • Ministrante: Adeíza Branco (PE)

CPD 19 – Ultrassom microfocado e suas possibilidades

  • Ministrante: Daniela Pimentel (SP)

CPD 19A – Ácido Hialurônico no contorno do terço inferior da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Rodrigo Ferraz (SP)

Nos cursos demonstrativos, turmas com participantes,  terão a oportunidade acompanhar o tratamento ao vivo de pacientes selecionados pelo professor expert no tema em questão durante um período de 3 horas.

Local: Santa Casa de Misericórdia do Recife Av. Cruz Cabugá, 1563 – Santo Amaro

CPD 20 – Associação de tecnologias na flacidez corporal

  • Ministrante:  Luciana Conrado (SP)

CPD 21 – Correção de orelha de abano

  • Ministrante: Roosevelt R. Filho (SP)

CPD 22 – Lipoaspiração de pequenos volumes

  • Ministrante: Virgínia Batista (PE)

CPD 23 – Condução cirúrgica da hiper-hidrose

  • Ministrante: Érico Di Santis (SP)

CPD 24 – Condução cirúrgica de lesões ungueais

  • Ministrante: Nilton Gioia Di Chiacchio (SP)

CPD 25 – Peeling de Fenol 88% regional associado a TCA

  • Ministrante: Izelda Costa (DF)

CPD 26 – Fios de sustentação

  • Ministrante: Rachel Guerra (MG)

CPD 27 – Bioestomuladores no tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Bhertha Tamura (SP)

CPD 28 – Uso do ácido L – polilático na face

  • Ministrante: Christine Guarnieri (SP)

CPD 29 – Uso de injetáveis no rejuvenescimento das mãos

  • Ministrante: Maurício Sato (PR)

CPD 30 – Procedimentos de baixo custo

  • Ministrante: Paulo Notaroberto (RJ)

CPD 31 – Uso da hidroxiapatita de cálcio no tratamento Corporal

  • Ministrante: Joana Costa (RJ)

CPD 32 – Policaprolactona no rejuvenescimento facial

  • Ministrante: Denise Steiner (SP)

CPD 33 – Ácido hialurônico – Tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Eliandre Palermo (SP)

CPD 34 – Peeling de fenol no consultório

  • Ministrante: Fátima Pires (SP)

CPD 35 – Tratamento de cicatrizes inestéticas

  • Ministrante: Leandra Metsavaht (RJ)

CPD 36 – IPCA em melasma

  • Ministrante: Daniel Cassino (SP)

CPD 37 – Uso do Ácido Polilático no tratamento global da face

  • Ministrante: Mônica Azulay (RJ)

CPD 38 – Radiofrequência Microagulhada

  • Ministrante: Renato Soriani (SP)

CPD 39 – Tecnologias na correção de cicatrizes de acne

  • Ministrante: Carlos Roberto Antônio (SP)

CPD 40 – Lasers fracionados: uso extra facial – mãos, estrias e couro cabeludo

  • Ministrante: Valéria Campos (SP)

Nos cursos demonstrativos, turmas com participantes,  terão a oportunidade acompanhar o tratamento ao vivo de pacientes selecionados pelo professor expert no tema em questão durante um período de 3 horas.

Local: Santa Casa de Misericórdia do Recife Av. Cruz Cabugá, 1563 – Santo Amaro

CPD 41 – Ácido hialurônico – tratamento global da face

  • Ministrante: Márcio Serra (RJ)

CPD 42 – Peelings combinados

  • Ministrante: Ediléia Bagatin (SP)

CPD 43- IPCA e Tunelização Dérmica em cicatrizes de acne

  • Ministrante:  Érica Holanda (CE)

CPD 44 – Tumores cutâneos: condução com retalhos e enxertos

  • Ministrante: Lauro Lorival Filho (PI)

CPD 45 – Associação de tecnologias no rejuvenescimento da face

  • Coordenador local: Emerson Alves (SP)

CPD 46 – Toxina botulínica avançado

  • Ministrante: Alessandra Romiti (SP)

CPD 47 – Toxina botulínica básico

  • Ministrante: Patricia Ormiga (RJ)

CPD 48 – Toxina botulínica: Tratamento global da face

  • Ministrante: Sergio Talarico (SP)

CPD 49 – Toxina botulínica básico

  • Ministrante: Elisete Crocco (SP)

CPD 50 – Ácido hialurônico – tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Bruna Bravo (RJ)

CPD 51 – Ácido hialurônico – tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: André Braz (RJ)

CPD 52 – Ácido hialurônico – Tratamento global da face (ESGOTADO)

  • Ministrante: Ligia Colucci (MG)

CPD 53 – Preenchimento labial e perioral (ESGOTADO)

  • Ministrante: Meire Parada (SP)

CPD 54 – Preenchimento periorbital (ESGOTADO)

  • Ministrante: Daniel Coimbra (RJ)

CPD 55 – Tecnologias e associações na correção de cicatrizes de acne

  • Ministrante: Juliana Jordão (PR)

CPD 56 – Técnicas combinadas na correção da flacidez do pescoço

  • Ministrante: Flávia Ravelli (SP)

CPD 57 – Fios de sustentação no rejuvenescimento facial

  • Ministrante: Alessandro Alarcão (GO)

CPD 58 – Bioestimuladores no tratamento de face, pescoço e colo

  • Ministrante: Rossana Vasconcelos (SP)

CPD 59 – Meu protocolo de flacidez corporal no consultório

  • Ministrante: Luciana Lourenço (SP)

CPD 60 – LIP e sua ampla aplicabilidade em 20 anos de experiência

  • >Ministrante: Gilvan Alves (DF)

CPD 61 – Uso do ácido L – polilático extrafacial

  • Ministrante: Maria Helena Sandoval (ES)

CURSOS TEÓRICOS

CURSO TEORICO PRÁTICO INTEGRAL (CTPI)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CTPI 1 – Emergência em Dermatologia ( participação equipe do SAMU) – 40 vagas

08h –  Apresentação do Curso

08h10 – Plano de Emergência em um Consultório Dermatológico –

Como desenvolver, itens a considerar, legislação (CFM e ANVISA), materiais, medicamentos, equipamentos, procedimentos possíveis, limites nos procedimentos, solicitação de socorro externo, transporte do paciente para atendimento hospitalar.

08h30 – Anamnese no pré-operatório. Quais são os pacientes de maior risco de complicações e exames a serem pedidos

08h50 – Síncope/Desmaio / Reação anafilática: identificação e conduta médica imediata

09h10 – Intoxicação por anestésicos locais

09h30 – Hipertensão Arterial: urgência e emergência hipertensiva, conduta médica imediata.

10h – coffee break

10h30 – Convulsão: identificação, conduta médica imediata.

10h50 – AVE-Acidente Vascular Encefálico: sinais precoces, avaliação simplificada (Escala de AVE de Cincinnati), conduta imediata.

 

11h10 –  Avaliação inicial do paciente em situação de emergência: importância, técnica, consciência, vias aéreas, respiração.

11h30 – Perguntas e discussão

12h às 14h – Almoço

14h – Parada Cardiorrespiratória e Reanimação: identificação, procedimentos, compressão torácica e ventilação e uso de drogas a serem usadas no atendimento inicial, ainda no consultório.

14h45 – Demonstração de RCP em manequim: com uso de ressuscitador manual (Bolsa-Válvula-Máscara- Ambu ®)

15h30 – Coffee break

16h – Máscara Laríngea: indicação, demonstração de colocação em manequim.

16h45 – Desfibrilador Externo Automático-DEA: importância, noções gerais sobre o equipamento, indicação e demonstração em simuladores.

17h30 – Perguntas e discussão

18h00 – Encerramento

  • Coordenadores: Aldo Toschi (SP) e Renata Bezerra (PE)* cardiologista e professora na UTI e emergências no IMIP
CURSO TEÓRICO INTEGRAL (CTI)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CTI 2 – Dermatoscopia – INTENSIVÃO – 250 vagas

  • Coordenadores: Giuseppe Argenziano – Itália, Renato Bakos (RS) e Sérgio Hirata (SP)
CURSOS TEÓRICO-PRÁTICO (CTP)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CTP 1 – Treinamento de retalhos cutâneos em pele animal – 20 vagas

  • Coordenadores: Hamilton Ometto Stolf (SP) e Márcio Martins Lobo Jardim (SP)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CTP 2 – Treinamento de retalhos cutâneos em pele animal – 20 vagas

  • Coordenadores: Hamilton Stolf (SP) e Otávio Lopes (PB)

CTP 3 – Sutura em pele artificial – 20 vagas

  • Coordenadores: Vanessa Mussupapo (SP) e Leonardo Mello Ferreira (ES)
CURSOS TEÓRICO-PRÁTICO EM VÍDEO (CPV)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CPV 1 – Tecnologias a favor da dermatologia (TRATAMENTOS FACIAIS) – 250 vagas

  1. Princípios do laser e de tecnologias
  2. Rejuvenescimento facial
  3. Rejuvenescimento colo, pescoço e mãos
  4. Flacidez facial e corporal
  5. Celulite e gordura localizada
  6. Laser para tratamento vascular
  7. Laser para tratamento de desordens pigmentares
  8. Drug delivery
  9. Complicações

 

  • Coordenadores: Alexandre Filippo (RJ) e Paulo Barbosa (BA)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco .

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CPV 2 – Tecnologia a favor da Dermatologia (TRATAMENTOS FACIAIS) – 250 vagas

  • Coordenadoras: Emmanuel França (PE) e Luiza Pitassi (SP)
CURSOS TEÓRICOS (CT)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas, com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco. Inicio de 08:00h, e finalizando as 12:00h, com disponibilidade de 100 vagas.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CT4 – Condução de tumores malignos não melanoma

  • Coordenadores: Eugenio Pimentel (SP) e Selma Cernea (SP)

CT5 – Estratégias de tratamento e estadiamento do melanoma maligno

  • Estadiamento e fatores prognósticos
  • Clínica e Dermatoscopia do Melanoma Inicial
  • Abordagem cirúrgica do tumor primário. Qual o limite do cirurgião dermatológico?
  • Discussão
  • O que não devemos fazer na condução do melanoma
  • Quando e porque indicar pesquisa do linfonodo sentinela?
  • Controvérsias no melanoma
  • Discussão
  • Melanoma tipo lentigo maligno: um desafio terapêutico
  • Melanoma ungueal e suas peculiaridades
  • O que o dermatologista precisa saber sobre imunoterapia e terapia alvo para melanoma
  • Discussão
  • Coordenadores: Mauro Enokihara (SP) e Carlos Barcaui (RJ)

CT6 – Hidradenite: Temos muito a aprender, pouco sabíamos

  • Coordenadores: Sarita Martins (PE) e Juliana Uchiayama (SP)

CT7 – Propedêutica em cirurgia dermatológica: o essencial no pré, pós e intra operatório

  • Coordenadores: Jorge Souza Filho (SC) Luiz Terzian (SP)

CT8 – Drug Delivery: verdades e mitos

  • Relação entre medicamentos e métodos para DD: propriedades quimico-físicas que interferem na penetração
  • Medicamentos e cosmecêuticos para DD: qual a melhor concentração e o melhor veículo?
  • Métodos físicos já descritos para DD e sua relação com o tempo de permeação do ativo
  • Tipos de laser e seus parâmetros ideias para DD: revisão da literatura
  • Microagulhamento para induçao de colágeno x microagulhamento para DD: literatura x prática
  • Radiofrequência microagulhada para DD é uma boa opção? revisão literatura x prática
  • Coordenadores: Maria Cláudia Issa (RJ) e Célia Kalil (RS)

CT9 – Painel de casos de cirurgia micrográfica com participação da plateia

Este curso teórico só vai diferir de um curso prático por não ser com casos ao vivo. Oito apresentadores foram selecionados pelos coordenadores para exporem 8 casos de cirurgia micrográfica abrangendo os aspectos pré-operatórios da avaliação clínico-cirúrgica, assim como a indicação da cirurgia micrográfica. Detalhes técnicos da execução do procedimento, com a apresentação dos quadros histopatológicos transoperatórios correspondentes, com a análise histopatológica realizada pelos cirurgiões micrográficos e por dois patologistas participantes serão discutidas, até a conclusão do processo. A reconstrução cirúrgica pode ser mostrada, mas este não será o foco do curso, que se concentrará na correlação clínico-patológica e na situação clínico-cirúrgica. Os participantes do curso terão ampla liberdade de perguntas e participarão ativamente podendo intervir nas discussões.

  • Coordenadores: Luiz Fernando Kopke (SC) e Mariana Meireles (SP)

Cursos teóricos explorando temas específicos, aulas teóricas com demonstração de técnicas em vídeo e exposições metodológicas, com treinamento em modelos não humanos irão compor a formatação dos cursos que ocorrerão nesse dia intenso de estudo e atualização no Centro de Convenções de Pernambuco. Inicio de 14:00h, e finalizando as 18:00h, com disponibilidade de 100 vagas.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Av. Prof. Andrade Bezerra S/N – Olinda – PE

CT10 – Biópsias: o que o dermatologista precisa saber

  • Coordenadores: Cleide Ishida (RJ) e Ariene Pedreira Paixão (BA)

CT11 – Anestesia e analgesia em procedimentos e cirurgia dermatológica

  • introdução à anestesia tópica e infiltrativa em cirurgia Dermatológica
  • Prevenção e tratamento das complicações da anestesia em Cirurgia dermatológica
  • Anestesia em tratamentos com laser – Como eu faço.
  • Pérolas de anestesia em diversas formas de Microagulhamento
  • Anestesia na cirurgia micrográfica de Mohs
  • Anestesia no transplante de cabelo: como minimizar o desconforto do procedimento.
  • Anestesia em procedimentos nas unhas
  • Discussão.
  • Coordenadores: Alcidarta dos Gadelha (AM) e Fernando Macedo (SP)

CT12 – Montagem de consultório: dicas práticas e econômicas para aproveitamento de espaços e elaboração e armazenamento de materiais

  • Coordenadores: João Roberto Antônio (SP) e Mauricio Mendonça (SP)

CT13 – Imagem em dermatologia – desvendando todas as possibilidades

O objetivo do curso é promover uma atualização sobre os métodos de imagens aplicados a cirurgia dermatológica com ênfase na Dermatoscopia e suas principais indicações, e também dos novos métodos de diagnósticos por imagem como a Microscopia confocal, Tomografia de coerência óptica e a Ultrassonografia de alta resolução.

 

Temas:

14:00 – 14:15 – O que há de novo em equipamentos na dermatoscopia.

14:15 – 14:30 – Atualização no diagnóstico por imagem dos tumores queratinocíticos

14:30 – 14:45 – Atualização no diagnóstico por imagem do Melanoma primário

14:45 – 15:00 – Mapeamento corporal e dermatoscopia digital

15:00 – 15:15 – Tricoscopia: Equipamentos e software de analise digital

15:15 – 15:30 – Artificial intelligence and dermoscopy. Is it the future?

15:30 – 15:50 – Discussão

15:50 – 16:20 – Intervalo

16:20 – 16:35 – Microscopia confocal: Fundamentos e indicações

16:35 – 16:50 – Dermatoscopia e Microscopia confocal na delimitação das margens operatórias

16:50 – 17: 05 – Ultrassonografia na Dermatologia

17:05 – 17:20 – Tomografia e Ressonância

17:20 – 17:35 – Tomografia de coerência óptica

17:35 – 17:55 – Discussão.

17:55 – 18:00 – Encerramento.

  • Coordenadores: Reinaldo Tovo Filho (SP) e Francisco Paschoal (SP)

CT14 – Marketing médico e gestão do consultório

Interpretando o exame anátomo-patológico: margens livres, comprometidas, exíguas

Argumentos a favor da conduta expectante

Argumentos contra a conduta expectante

Discussão de casos clínicos

  • Coordenadores: Sérgio Palma (PE) e Moysés Lemos (SP)

CT15 – Cosmecêuticos, nutracêuticos e fotoprotetores em procedimentos dermatológicos: ampliando horizontes

  • Coordenadores: Sérgio Schalka (SP) e Flávia Addor (SP)

PALESTRAS

Teatro Guararapes

COMO EU FAÇO NO CONSULTÓRIO: Esse dia está reservado ao tratamento de pacientes em tempo real por colegas com grande experiência nos temas abordados. Em formato inovador e dinâmico, para propiciar aprimoramento científico e troca de ideias, montamos sessões de 30 min, dinamizadas por 1 moderador de palco, 2 moderadores de plateia e 2 executores nos bastidores apresentando duas maneiras diferentes de conduzir. Você vai se surpreender!

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Teatro Guararapes

 

(8:30 – 9:00) S.01  Melasma recalcitrante: o limite entre o benefício ou a piora com a intervenção

Moderadora de palco: Karime Hassun (SP)

Moderadores de plateia: Ediléia Bagatin (SP) e Hélio Miot (SP)

Executores: Daniel Cassiano (SP) – técnica 1 e Tatiana Steiner (SP) – técnica 2

(9:00 – 9:30) S.02  Cicatrizes deprimidas e distróficas faciais: vencendo o desafio

Moderadora de palco: Izelda Costa (DF)

Moderadores de plateia: Elisete Crocco (SP), Misia Martins (PE)

Executores: Bogdana Kadunc (SP) – técnica 1 e Juliana Jordão (PR) – técnica 2

(9:30 – 10:00) C01 – CONFERÊNCIA ESPECIAL: The art of BeautiPHIcation (Proportion and Harmony thru Injections)

Palestrante: Arthur Swift (Canadá)

(10:00 – 10:30) S.03  Rugas e flacidez perioral: o simples que funciona

Moderadora de palco: Ligia Colluci (MG)

Moderadoras de plateia: Fabiana Wanick (RJ) e Flávia Ravelli (SP)

Executores: Fátima Pires (RJ) – técnica 1 e Maurício Sato (PR) – técnica 2

(10:30 – 11:00) Visitação aos expositores

(11:00 – 11:30) S.04 – Ácido hialurônico no tratamento global da face: no limite do exagero

Moderadora de Palco: Bhertha Tamura (SP)

Moderadoras de plateia: Patricia Ormiga (RJ) e Sylvia Ypiranga (SP)

Executores: André Braz (RJ) e Bruna Bravo (RJ)

(11:30 – 12:00) CO2 – CONFERÊNCIA ESPECIAL: Can a dermatologist practice without dermoscopy?

Palestrante: Giuseppe Argeziano (ITÁLIA)

(12:00 – 12:30) S.05  – Flacidez do pescoço: Sempre um desafio

Moderadora de palco: Denise Steiner (SP)

Moderadoras de plateia: Andréia Mateus (RJ) e Rossana Vasconcelos (SP)

Executores: Maria Helena Sandoval (ES) e Valéria Campos (SP)

COMO EU FAÇO NO CONSULTÓRIO: Esse dia está reservado ao tratamento de pacientes em tempo real por colegas com grande experiência nos temas abordados. Em formato inovador e dinâmico, para propiciar aprimoramento científico e troca de ideias, montamos sessões de 30 min, dinamizadas por 1 moderador de palco, 2 moderadores de plateia e 2 executores nos bastidores apresentando duas maneiras diferentes de conduzir. Você vai se surpreender!

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Teatro Guararapes

(12:35 – 13:25) SSE 1 – SIMPÓSIO SATÉLITE EXCLUSIVO

(13:30 – 14:20) SSE 2 – SIMPÓSIO SATÉLITE EXCLUSIVO

(14:30 – 15:00) S.06 – Toxina botulínica no tratamento global da face: O menos é mais?

Moderador de palco: Sérgio Talarico Filho (SP)

Moderadores de plateia: Eloisa Ayres (RJ) e Jayme de Oliveira Filho (SP)

Executores: Ana Paula Meski (SP) – técnica 1 e Alessandro Alarcão (GO) – técnica 2

(15:00 – 15:30) CO3 – CONFERÊNCIA ESPECIAL: Sítios ideias para coleta de biópsia direcionado pelas hipóteses diagnósticas: quais as dicas?

Palestrantes: Márcio Lobo (SP) e Maurício Paixão (SP)

(15:30 – 16:00) S.07 – Técnicas combinadas no rejuvenescimento da face: custo x benefício

Moderadora de palco:  Luíza Pitassi (SP)

Moderadores de plateia: Fernando Macedo (SP) e Renato Soriani (SP)

Executores: Silvia Zimbres (SP) e técnica 1 e Abdo Salomão Junior (MG) – técnica 2

(16:00 – 16:30) Visita aos expositores

(16:30 – 17:00) S.08 – Procedimentos de baixo custo e grandes resultados

Executores: Emerson Lima (PE) – técnica 1 e Luciana Gasques (MT) – técnica 2

Moderador de palco: Paulo Notaroberto (RJ)

Moderadoras de plateia: Flávia Addor (SP) e Virginia Batista (PE)

(18:05 – 18:55) SSS1 ao SSS3 – Simpósios satélites simultâneos

Teatro Beberibe

TEMAS EM FOCO: Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Teatro Beberibe

 

(08:30 – 09:30) TF1 – O que fazer com essa pinta? – Condução de nevos displásicos

How to differentiate dysplastic nevus from melanoma? Are there any dermoscopic criteria for the diagnosis of dysplastic nevus?

Mapeamento Corporal total na síndrome do nevo atípico e melanoma:  quando indicar e critérios para biópsia

Como abordar cirurgicamente o nevo displásico: Shaving? Biopsia excisional?

Discussão

Coordenação: Carlos Barcauí (RJ) e Francisco Pachoal (SP)

(9:30 – 10:30) TF2 – Cirurgia Micrográfica: princípios, aplicabilidade e desafios

Coordenação: Luiz Terzian (SP) e Victor Fernandes (PB)

(11:00 – 12:00) TF3 – Tumores raros: identificação e condução

Coordenação: Eugênio Pimentel (SP) e Hamilton Stolf (SP)

Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco – Teatro Beberibe

 

(12:00 – 12:30) TF4 – Melhores casos cirúrgicos dos Serviços de Dermatologia

Coordenação: Maurício Paixão (SP) e Hélio Miot (SP)

(14:30 – 15:30)TF5 – Nem sempre se acerta, mas sempre se aprende

Coordenação: Mauro Enokihara (SP) e Sérgio Palma (PE)

(15:30 – 16:00) TF6 – Melhores casos cirúrgicos dos serviços de Dermatologia

Coordenação: Roberto Tarlé (PR) e Selma Cernea (SP)

PALESTRAS

Teatro Guararapes

CIRUDERMA: O dia de hoje é dedicado a troca de ideias com experts sobre temas que fazem parte da nossa prática como cirurgiões dermatológicos. Usando o modelo de sucesso do Teraderm, essa formatação se propõe a brindar os congressistas com discussões diretas sobre pontos positivos e negativos das diversas intervenções que fazem parte do atual arsenal de tratamento do dermatologista. As sessões serão compostas por 1 moderador de palco, 1 moderador de plateia e 3 experts.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Guararapes

(8:30 – 9:00) S.09 Qual a verdade do drug delivery? Possibilidades, efetividade dos ativos e aplicabilidade real

Moderadora de palco: Célia Kalil (RS)

Moderadora de plateia: Flávia Raveli (SP)

Experts: Luiza Pitassi (SP), Maria Cláudia Issa (RJ), Maria Pauline Kede (RJ) e Valéria Campos (SP)

 

(9:00 – 9:30) S.10 Carcinoma basocelular e Carcinoma espinocelular: Quando o inimigo é silencioso

Moderador de palco: Sergio Serpa (RJ)

Moderador de Plateia: Leonardo Ferreira (ES)

Experts: Joaquim Mesquita (RJ), Luis Fernando Kopke (SC), Victor Fernandes (PB) e Virgínia Batista (PE)

(9:30 – 10:00) S.11 Melanoma e nevo displásico: Quanto evoluímos na condução?

Moderador de Palco: Mauro Enokihara (SP)

Moderador de plateia: Elimar Gomes (SP)

Experts: Francisco Paschoal (SP), Maurício Paixão (SP), Renato Bakos (RS) e Sérgio Hirata (SP)

(10:00 – 10:30) Visita aos expositores

(10:30 – 11:00) S.12 Pérolas em cirurgia dermatológica para situações especiais: Crianças, gestantes, idosos, imunossuprimidos.

Moderador de palco: Gabriel Gontijo (MG)

Moderadora de plateia: Virgínia Batista (PE)

Experts: Hamilton Stolf (SP), Mariana Meireles (SP), Otávio Lopes (PB) e Vanessa Mussupapo (SP)

(11:00 – 11:30) S.13 Procedimentos e tratamentos complementares na condução das alopecias: O que é efetivo e seguro?

Moderadora de palco: Bruna Duque Estrada (RJ)

Moderadora de Plateia: Aline Donati (SP)

Experts: Daniel Fernandes (RJ), Giselle Pinto (RS), Leonardo Abraham (DF), Mariana Lima (PE) e Yanna Kelly (SP)

Moderadora de palco: Bruna Estrada (RJ)

(11:30 – 12:30) Assembleia da SBCD

(12:35 – 13:25) – SSE 3 – SIMPÓSIO EXCLUSIVO

CIRUDERMA: O dia de hoje é dedicado a troca de ideias com experts sobre temas que fazem parte da nossa prática como cirurgiões dermatológicos. Usando o modelo de sucesso do Teraderm, essa formatação se propõe a brindar os congressistas com discussões diretas sobre pontos positivos e negativos das diversas intervenções que fazem parte do atual arsenal de tratamento do dermatologista. As sessões serão compostas por 1 moderador de palco, 1 moderador de plateia e 3 experts.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Guararapes

(13:30 – 14:20) – SSE 4 – SIMPÓSIO EXCLUSIVO

(14:30 – 15:00) S.14 – Ninguém quer sentir dor! Efetividade e segurança da analgesia e anestesia nos procedimentos dermatológicos

Moderador de palco: Luis Fernando Tovo (SP)

Moderador de plateia: Flávio Luz (RJ)

Experts: Bogdana Kadunc (SP), Lia Cândida (GO), Luciana Lorenço (SP), Mariana Meireles (SP), Paula Belotti (RJ)

(15:00 – 15:30) S.15 – O poder das agulhas: IPCA® , microagulhas associadas à radiofrequência, técnicas de descolamento

Moderador de palco: Emerson de Andrade Lima (PE)

Moderadora de plateia: Renata Sitonio (SP)

Experts: Daniel Cassiano (SP), Érica Holanda (CE), Hélio Miot (SP) e Mariana Lima (PE)

(15:30 – 16:00) S.16 – Tratamento de campo cancerizável

Moderador de palco: Beni Grinblat (SP)

Moderador de plateia: Reinaldo Tovo (SP)

Experts: Hamilton Stof (SP), Luiz Guilherme Castro (SP), Luiz Terzian (SP) e Selma Cernea (SP)

(16:00 – 16:30) Visita aos expositores

(16:30 – 17:00) S.17 – Cirurgia ungueal e suas peculiaridades: Todo cuidado é pouco!

Moderador de palco: Glaysson Tassara (MG)

Moderador de plateia: Nilton Gioia Di Chiacchio (MG)

Experts: Márcia Oliveira (PE), Sarita Martins (PE), Sergio Hirata (SP) e Tatiana Gabbi (SP)

(17:00 – 17:30) C04 – CONFERÊNCIA ESPECIAL: Fios de sutura, curativos e regeneradores cutâneos – dicas práticas de aplicabilidade ao dia a dia do dermatologista

Palestrantes: Vanessa Mussupapo (SP), Maria da Glória Sasseron (MG)

(17:30 – 18:00) S.18 – Celulite + flacidez: um combo que não agrada. O que tem funcionado?

Moderadora de palco:

Moderadora de plateia: Márcia Linhares (RJ)

Experts: Joana Costa (DF), Luciana Conrado (SP), Paula Belotti (RJ),  Taciana Del Forno (RS)

Teatro Beberibe

TEMAS EM FOCO: Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Beberibe

(8:30 – 9:30) TF7 – Toxina botulínica em doenças dermatológicas e condições inestéticas

Coordenação: Ada Trindade (SP) e Maria Helena Sandoval (ES)

(9:30 – 10:00) TF8 – Melhores casos cirúrgicos dos serviços de Dermatologia

Coordenação: Alcidarta Gadelha (AM) e Izelda Costa (DF)

(10 – 10h30) Visita aos expositores

(10:30 – 11:30) TF9 – Cirurgia cosmética: Qual o pulo do gato?

Coordenação: Bogdana Kadunc (SP) e Eliandre Palermo (SP)

TEMAS EM FOCO: Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Beberibe

(14:30 – 15:30) TF10 – Nem sempre se acerta, mas sempre se aprende

Coordenadores: João Roberto Antônio (SP) e Jorge José de Souza Filho (SC)

(15:30 – 16:00) TF11 – Melhores casos cirúrgicos dos serviços de Dermatologia

Coordenadores: Cleide Ishida (RJ) e Francisco Paschoal (SP)

(16h – 16h30) Visita aos expositores

(16:30 – 17:30) TF12 – Relação clínica-histopatológica na condução de tumores: o que o dermatologista precisa saber?

Coordenadores: Daniela Takano (PE) e Nilceo Michalany (SP)

(18:05 – 18:55) SSS4 ao SSS6 – Simpósios satélites simultâneos

PALESTRAS

Teatro Guararapes

CIRUDERMA: Teremos  um dia dedicado a troca de ideias com experts sobre temas que fazem parte da nossa prática como cirurgiões dermatológicos. Usando o modelo de sucesso do Teraderm, essa formatação se propõe a brindar os congressistas com discussões diretas sobre pontos positivos e negativos das diversas intervenções que fazem parte do atual arsenal de tratamento do dermatologista. As sessões serão compostas por 1 moderador de palco, 1 moderador de plateia e 3 experts.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Guararapes

(9:00 – 9:30) S.19 Mitos e verdades sobre toxina botulínica

Moderadora de palco: Alessandra Romiti (SP)

Moderadora de plateia: Aldejane Gurgel A. Rodrigues (PE)

Experts: Ada Trindade (SP), Ana Paula Meski (SP), Fabiana Wanick (RJ), Ligia Colucci (MG) e Monica Azulay (RJ)

(9:30 – 10:00) S.20 – Deu ruim…e agora? Quando os preenchedores e bioestimuladores complicam

Moderadora de palco: Meire Parada (SP)

Moderador de plateia: Daniel Coimbra (RJ)

Experts: André Braz (RJ), Bruna Bravo (RJ), Eliandre Palermo (SP) e Rodrigo Ferraz (MG)

(10:00 – 10:30) CO5 – CONFERÊNCIA ESPECIAL: Perspectivas e fundamentos de procedimentos emergentes: PRP, desoxicolato e mesoterapia. Até onde podemos ir?

Palestrantes: Ediléia Bagatin (SP) e Karime Hassun (SP)

(10:30 – 11:00) S.21 – Associação de bioestimuladores e tecnologias na condução da flacidez: Custos x benefícios e qual o melhor protocolo?

Moderadora de Palco: Christine Guarnieri (SP)

Moderador de plateia: Alexandre Filippo (RJ)

Experts: Abdo Salomão Jr. (SP), Luciana Lourenço (SP), Shirley Borelli (SP) e Solange Pistori (SP)

(11:00 – 11:30) Visita aos expositores

(11:30 – 12:00) S.22 – Transplante capilar: Quanto evoluímos, realidade das diferenças técnicas, múltiplas indicações. O que o dermatologista que não faz transplante precisa saber?

Moderador de palco: Francisco Le Voci (SP)

Moderadora de plateia: Mariana Lima (PE)

Experts: Fernando Basto (PE), Giselle Pinto (RS), José Régis Jr. (SP), Leila Bloch (SP), Pablo Cirino (PB)

(12:00 – 12:30) S.23 – Qual o espaço dos peelings nos dias atuais? Aplicabilidade, segurança, antigos e novos ativos

Moderadora de palco: Vitória Rêgo (BA)

Moderadora de plateia: Maria Paulina Kede (RJ)

Experts: Andréia Serra (RJ), Andréia Mateus (RJ), Fátima Pires (RJ) e Humberto Ponzio (RS)

(12:30 – 13:00) S.24 – Depois do procedimento! O que fazer? Efetividade dos ativos tópicos e sistêmicos após os procedimentos

Moderadora de palco: Flávia Addor (SP)

Moderador de plateia: Sérgio Shalka (SP)

Experts: Célia Kalil (RS), Denise Steiner (SP), Jayme de Oliveira Filho (SP) e Maria Paulina Kede (RJ)

(13:00 – 14:00) SSE 5 Simpósio Satélite Exclusivo – Intervalo de almoço

CIRUDERMA: Teremos  um dia dedicado a troca de ideias com experts sobre temas que fazem parte da nossa prática como cirurgiões dermatológicos. Usando o modelo de sucesso do Teraderm, essa formatação se propõe a brindar os congressistas com discussões diretas sobre pontos positivos e negativos das diversas intervenções que fazem parte do atual arsenal de tratamento do dermatologista. As sessões serão compostas por 1 moderador de palco, 1 moderador de plateia e 3 experts.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Guararapes

(14:00 – 14:30) S.25 – Queloides e seus desafios: Tratamento e contenção da evolução

Moderadora de palco: Bogdana Kadunc (SP)

Moderadora de plateia: Sarita Martins (PE)

 Experts: Abdo Salomão Jr. (SP), Emerson Lima (PE), Joaquim Mesquita (RJ) e Leandra Metsavaht (RJ)

(14:30 – 15:00) S.26 – Procedimentos cosméticos em pacientes portadores de imunossupressão e doenças autoimunes: Fazer ou não fazer, eis a questão

Palestrantes: Aldejane Gurgel (PE) e Samira Yarak (SP)

(15:00 – 15:30) S.27 – Aplicabilidade de novas e antigas tecnologias no consultório dermatológico: O que está valendo a pena?

Moderadora de palco: Celia Kalil (RS)

Moderador de plateia: Paulo Barbosa (BA)

Experts: Alexandre Filippo (RJ), Gabriel Gontijo (MG), Gilvan Alves (DF) e Valéria Campos (SP)

(15:30 – 16:00) Visita aos expositores

(16:00 – 16:30) S.28 – Abordagem da região periorbital: hiperpigmentação, rugas, flacidez, bolsas, goteira lacrimal – qual a melhor associação?

Moderador de palco: Carlos Roberto Antônio (SP)

Moderadora de plateia: Leandra Metsavaht (RJ)

Experts: Alessandro Alarcão (GO), Emmanuel França (PE) Alessandro Alarcão (GO) Maria Helena Sandoval (ES) Rossana Vasconcelos (SP)

(16:30 – 17:00) S.29 – A realidade dos tratamentos cosméticos da região genital: Segurança, aplicabilidade responsável e possíveis implicações

Moderador de palco: Emmanuel França (PE)

Moderadora de plateia: Aldejane Gurgel (SP)

Experts: Flávia Ravelli (SP), Rogério Ranulfo (GO), Shirlei Borelli (SP) e Ursula Metelmanm (SP)

(17:00 – 17:30) C06 – CONFERÊNCIA ESPECIAL DE ENCERRAMENTO – Pérolas em cirurgia dermatológica – 32 anos de experiência: o que faz a diferença no consultório dermatológico

Palestrante: Sarita Martins (PE) – Presidente de Honra do CBCD 2020.

(17:30 – 18:00) Homenagens e premiações

Teatro Beberibe

TEMAS EM FOCO: Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Beberibe

(9:00 – 10:00) TF13 – Ceratose actínica de A a Z

Coordenadores: Luiz Guilherme Castro (SP) e Reinaldo Tovo (SP)

(10:00 – 11:00) TF14 – CBC recidivou! E agora?

Coordenadores: Bruno Santana (SE) e Gabriel Gotijo (MG)

(11h – 11h30) Visita aos expositores

(11:30 – 12:30) TF15 – CEC de A a Z

Queratose Actínica e Carcinoma de Células Escamosas, uma doença espectral?

O que é e como conduzir o Carcinoma de Células Escamosas de alto risco?

Novas drogas para o Carcinoma de Células Escamosas  avançado?

Discussão de casos: abordagem do Carcinoma de células escamosas em seus diferentes espectros.

Coordenadores: Glaysson Tassara (MG) e Roberto Tarlé (PR)

TEMAS EM FOCO: Essas sessões irão trazer temas cirúrgicos e procedimentos cotidianos debatidos por dermatologistas experientes, buscando aprofundar detalhamento de técnicas, fundamentação de condutas e esclarecer dúvidas mais frequentes. Somado a esses objetivos, casos cirúrgicos serão detalhadamente apresentados, visando compartilhar vivências e oferecer soluções.

Local: Centro de Convenções de Pernambuco –  Teatro Beberibe

(14:00 – 15:00) TF16 – Como reconstruir esse defeito? – retalhos e enxertos

Coordenadores: Lauro Lopes Filho (PI) e Roosevelt Rocha Filho (SP)

(15h30 – 16h) Visita aos expositores

(16:00 – 17:00) TF17 – Anatomia aplicada à cirurgia dermatológica: áreas de risco

Enxertos faciais: nariz e pálpebra

Retalhos faciais: nariz e lábios

Enxertos em região auricular e frontal

Coordenadores: Joaquim Mesquita (RJ) e Sérgio Serpa (RJ)

(18h) Happy Hour de encerramento

REGULAMENTO DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS

Datas importantes:

Período da submissão eletrônica: 01 a 20 de fevereiro de 2020
Divulgação do aceite do trabalho: 10 março de 2020
Envio do trabalho eletrônico completo para exposição no congresso: até 20 de março 2020

1 - NORMAS PARA INSCRIÇÃO E SUBMISSÃO DOS TRABALHOS

Todos os trabalhos devem ser inscritos eletronicamente utilizando o sistema on -line disponível no site do congresso  www.recife2020.com.br a partir de 01 de fevereiro de 2020.

Primeira fase de submissão dos trabalhos: os autores devem incluir no sistema/sua área restrita: o resumo com fotos (quando for o caso), seguindo as orientações e limites informados no formulário online. A data limite para submissão é 20 de fevereiro de 2020.

Segunda fase apenas para os trabalhos aceitos: o envio dos trabalhos eletrônicos na íntegra será até 20 de março de 2020. Recomendados enviar o pôster eletrônico na íntegra na extensão em JPEG (e-poster). Os trabalhos selecionados e aceitos serão expostos na área Café com Ciência, durante a realização do Congresso, no período de 2 a 4 de maio de 2020.

Fase especial: Entre os trabalhos selecionados e aceitos teremos  09 trabalhos (3 de cada categoria), que serão selecionados também para Apresentação Oral, durante a Sessão Temas em Foco no Congresso.

Somente serão aceitos trabalhos escritos em português.

É imprescindível que pelo menos um dos autores do trabalho, seja associado quite da SBCD e que esteja inscrito no 32° CBCD, em uma das categorias (exceto como acompanhante), no momento da submissão do trabalho. Caso contrário, o trabalho poderá ser DESCLASSIFICADO.

Cada trabalho terá um autor principal (campo em separado) e até no máximo de 6 (seis) co-autores.

O autor principal será o responsável pelo trabalho para todos os efeitos legais e em nome dele será atribuído o prêmio, caso o trabalho seja o vencedor.

O autor principal deverá apontar quem, dentre os componentes do grupo, receberá toda a correspondência da Comissão Organizadora (autor correspondente), caso não seja ele próprio. O apresentador do trabalho poderá ser qualquer um dentre eles, exceção feita a acadêmicos, devendo ser apontado no campo competente.

OBS.:  Para  todos  os  efeitos, acadêmicos não poderão  submeter trabalhos  como autores principais, nem tampouco como apresentadores dos trabalhos científicos.

A IDENTIFICAÇÃO DE AUTORIA OU INSTITUIÇÃO DE ORIGEM, EM QUALQUER PARTE DO RESUMO DO TRABALHO (título, resumo, corpo do texto ou ilustrações), na primeira fase de submissão dos trabalhos IMPLICARÁ NA SUA DESCLASSIFICAÇÃO.

1.1 - PREMIAÇÃO

Os 2 (DOIS) trabalhos melhores classificados de cada categoria farão jus aos prêmios oferecidos pelo 32º Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica.   Os valores informados abaixo são valores brutos.

Prêmio Profa. Dra. Sarita Martins        Categoria: Dissertação/Tese

  1º lugar – R$ 8.000,00

  2º lugar – R$ 6.000,00

Prêmio Profa. Dra. Denise Steiner       Categoria: Trabalhos de Investigação

  1º lugar – R$ 6.000,00

  2º lugar – R$ 4.000,00

Prêmio Prof  Dr. Emmanuel França      Categoria Mini casos cirurgicos

  1º lugar – R$ 4.000,00

  2º lugar – R$ 3.000,00

Premiação para os Serviços Credenciados

  1º lugar – R$ 5.000,00

  2º lugar – R$ 4.000,00

Prêmio para o Melhor no Júri Popular

  1º lugar – R$ 2.000,00

1.2 - CATEGORIAS DOS TRABALHOS

a) Mini-casos cirúrgicos

Relato de um ou mais casos, inéditos, com justificada razão para apresentação (apresentações clínicas incomuns, iconograficamente exuberantes, efeitos adversos ou terapêuticas inovadoras), descrição de novo método diagnóstico ou nova abordagem terapêutica.

b) Investigação

Trabalho original, inédito, abrangendo ensaios controlados e randomizados, estudos de testes diagnósticos e de detecção, estudos descritivos, observacionais e de intervenção, assim como pesquisa básica com animais de laboratório.

c) Dissertação / Tese

Trabalho original, inédito, produto de dissertação de mestrado ou tese de doutorado, já defendida ou concluída.

d) Serviços Credenciados – trabalho de investigação – indicado pelo Chefe de Serviço

Trabalho original, inédito, abrangendo ensaios controlados e randomizados, estudos de testes diagnósticos e de detecção, estudos descritivos, observacionais e de intervenção, assim como  pesquisa básica com animais de laboratório.

1.3 - ÁREAS DE CONHECIMENTO

Deve ser escolhida a área de conhecimento que mais se relaciona com a natureza do trabalho.

CIRURGIA COSMÉTICA (Blefaroplastia, mini-lift, correção de cicatrizes etc)

CIRURGIA MICROGRÁFICA

CIRURGIA BÁSICA (contribuições simples e inovadoras)

CRIOCIRURGIA

PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS APLICADOS À COSMIATRIA (Peeling, Toxina Botulínica,  Preenchimento, IPCA/Microagulhamento etc)

MÉTODOS DIAGNÓSTICOS AUXILIARES (USG confocal, Dermatoscopia etc)

LASER, LUZ INTENSA PULSADA E OUTRAS TECNOLOGIAS ELETROMAGNÉTICAS (Radiofrequência)

PROCEDIMENTOS APLICADOS A GORDURA/HIPODERME (lipoaspiração, criolipólise, etc)

CIRURGIA DE ANEXOS E MUCOSA (Transplante de cabelo, cirurgia ungueal, etc)

MÉTODOS INOVADORES COM IMPACTO NA CIRURGIA (Biologia molecular, novos    métodos experimentais)

OUTROS TEMAS

1.4 - TÍTULO

O título deve ser objetivo e informativo, permitindo a apreciação do assunto abordado no trabalho. Obrigatoriamente, deve omitir informações institucionais e de autoria, de modo a ficar assegurado o anonimato durante o processo de avaliação.

O título não deve conter abreviaturas não uniformizadas na literatura dermatológica. Estão disponíveis até 200 caracteres para digitação do título.

1.5 - CONFLITOS DE INTERESSE

Deve ser  declarado  qualquer espécie de patrocínio, apoio ou  interesse pessoal de quaisquer dos autores, que esteja relacionado diretamente ao trabalho e aos seus resultados.

Um espaço de 500 caracteres está disponível para declaração de conflitos de interesse. Quando nenhum interesse interferir com o trabalho, uma expressão clara deve ser incluída no espaço reservado para tal. Por exemplo: Nenhum conflito.

1.6 - INSTITUIÇÃO

Informar o nome das instituições e cidades envolvidas no trabalho. Estas informações não podem estar na história clínica ou em outra qualquer parte que permita a identificação do trabalho, salvo nesta área de cadastro do trabalho.

1.7 - AUTORES E APRESENTADOR

O autor principal deverá apontar quem, dentre os componentes do grupo, receberá toda a correspondência da Comissão Organizadora (autor correspondente). Caso não seja ele próprio o apresentador do trabalho, poderá ser qualquer um dentre eles, devendo ser apontado no campo. Deve ser informado o número total de autores: 1 autor   correspondente, 1 autor principal, 1 apresentador e   mais   4 coautores, perfazendo um total máximo de 07 participantes por trabalho. É necessário preencher o nome completo dos autores, definir o autor correspondente, definir o autor principal, o apresentador, a ordem dos coautores, e relacionar a instituição a que cada um pertence na época da elaboração do trabalho. Pode haver acúmulo de funções por parte dos autores.

Serão aceitas, no máximo, cinco submissões de trabalhos por autor principal. Aqueles que já tiverem atingido este limite, só poderão constar como coautores nos demais trabalhos.

Deverá ser utilizado um formulário eletrônico para cada trabalho.

IMPORTANTE: Trabalhos inacabados, com resultados e conclusões indefinidos  ou com expressões do tipo “os resultados serão apresentados” não serão aceitos para a avaliação e serão desclassificados.

1.8- RESUMO

Independente da categoria, o texto do resumo deverá ser ESTRUTURADO, compreendendo  obrigatoriamente,  o  preenchimento  de  todos  os  campos, respeitando o limite máximo de 1.000 CARACTERES, incluindo espaços e pontuação, para as categorias  Investigação e Mini casos cirurgicos  e 1.500 CARACTERES para a categoria Dissertação/Tese.

IMPORTANTE: Não incluir no corpo do resumo abreviaturas não uniformizadas na literatura  dermatológica,  números  indicativos  de  referências  bibliográficas, elementos que identifiquem pacientes (iniciais), instituição ou autores, SOB PENA DE DESCLASSIFICAÇÃO do trabalho.

ESTRUTURA DOS RESUMOS DOS TRABALHOS:

Minicasos cirúrgicos

Fundamento: Estado atual do conhecimento sobre o tema apresentado e sua importância.

Motivo da Comunicação: Razão que justifica a apresentação. Por exemplo, raridade, aspectos clínicos inusitados, evolução atípica, inovações diagnósticas e terapêuticas.

Relato da comunicação: História e evolução (caso clínico); descrição de nova técnica diagnóstica ou nova abordagem terapêutica.

Discussão: Argumentos sobre achados clínicos e laboratoriais, diagnósticos e tratamentos; vantagens/desvantagens de método diagnóstico/terapêutico.

Investigação e Dissertação / Teses:

Fundamentos: Estado atual do conhecimento, importância e o principal problema abordado no estudo.

Objetivos: Qual a finalidade do estudo.

Métodos: Métodos de investigação utilizados no estudo.

Resultados: Quais os achados mais relevantes.

Conclusões: Quais as conclusões principais.

IMPORTANTE: Trabalhos inscritos incompletos (p.ex.: somente o resumo) serão DESCLASSIFICADOS.

1.9 - CORPO DO TRABALHO ELETRONICO COMPLETO – SEGUNDA ETAPA

O texto do corpo do trabalho COMPLETO deverá ter, no máximo, 5000 caracteres (incluindo espaços e pontuação) e ser elaborado também de forma estruturada, de acordo com a categoria.

Há campo específico no sistema de submissão on-line para a inclusão das referências bibliográficas,   com   1000   caracteres   de   espaço   disponível.   Devem   ser   atuais, relevantes e incluídas no formato Vancouver (http://www.anaisdedermatologia.org.br/normas).

IMPORTANTE: Trabalhos inscritos sem corpo do texto ou que contenham elementos que permitam identificação de autoria ou instituição de origem serão DESCLASSIFICADOS.

ESTRUTURA DO CORPO DO TEXTO DOS TRABALHOS COMPLETOS:

Mini-Casos cirúrgicos:

Introdução: Justificativa para apresentação. Por exemplo, raridade, aspectos clínicos inusitados, evolução atípica, inovações diagnósticas e terapêuticas, com base em revisão da literatura.

Relato da comunicação: Deve descrever: Identificação (sem iniciais do paciente) idade, gênero, história e manifestações clínicas, exames laboratoriais confirmatórios do diagnóstico, terapêutica, evolução clínica (caso clínico); descrição de método diagnóstico/terapêutico.

Discussão: descrever: Explicação para os achados clínicos e laboratoriais; indicações da certeza diagnóstica e outras hipóteses para o caso; Vantagens/desvantagens de método diagnóstico/terapêutico.

Referências: No máximo cinco, devem ser incluídas no formato Vancouver

Bibliográficas (http://www.anaisdedermatologia.org.br/public/instrucoes/normas.aspx).

 

Investigação e Dissertação / Teses:

Introdução: Estado atual do conhecimento sobre o tema e o objetivo do estudo.

Métodos: Material/casuística; métodos de investigação empregados no estudo; estatística; aprovação por comitê de ética da instituição (especialmente para estudos com intervenções).

Resultados: Quais os achados mais relevantes.

Discussão e conclusões: Deve confrontar os resultados com a literatura e incluir as limitações do estudo.

Referências Bibliográficas: No máximo cinco, devem ser incluídas no formato Vancouver (http://www.anaisdedermatologia.org.br/normas).

1.10 - ILUSTRAÇÕES

Há espaço próprio no sistema de submissão on-line para envio de ilustrações (figuras, gráficos e tabelas), de forma a permitir a melhor avaliação do trabalho completo. Serão permitidas até seis ilustrações por trabalho, em JPG, que deverão ser acompanhadas dos respectivos títulos ou legendas. Estes (títulos e legendas) somente poderão ser inseridos após a inclusão das ilustrações, no campo específico.

FIGURAS E GRÁFICOS devem ser submetidos eletronicamente em campo específico da página e serem referenciados no corpo do texto.

As imagens devem ser enviadas com resolução de no máximo 2MPixels (1920 x 1080)

em arquivos no formato JPG.

Imagens que permitam a visualização da face devem ser tachadas ou desfocadas na

região dos olhos para preservar a identidade dos pacientes.

TABELAS devem ser submetidas em arquivos tipo JPG.

IMPORTANTE: A qualidade das ilustrações, o resguardo da identidade dos pacientes e a clareza das tabelas e gráficos serão avaliados por pontuação específica para a nota   final   do   trabalho.   Não   deve   haver   qualquer   elemento   que   permita   a identificação de autoria ou instituição de origem do trabalho em figuras, gráficos ou tabelas, SOB PENA DE DESCLASSIFICAÇÃO.

1.11 - FINALIZAÇÃO DA SUBMISSÃO

Não é necessário inserir o RESUMO do trabalho de uma só vez. O autor correspondente pode retornar ao sistema, quantas vezes achar necessário, para editar ou completar o trabalho, até ser marcado como finalizado, desde que dentro da data de submissão. Mas verifique o e-mail de confirmação enviado pelo sistema, tendo cuidado de checar se este não aparece como um spam.

Quando o autor decidir que o resumo trabalho está completo e pronto para avaliação, deve marcá-lo como finalizado e clicar na opção FINALIZAR, na página.

Uma vez finalizados, os trabalhos não poderão ser alterados (inclusive a autoria). Os autores devem se certificar da integralidade dos mesmos antes de finalizar a submissão.

Os trabalhos que não forem marcados como finalizados até a expiração da data limite da submissão (20 de fevereiro de 2020) não serão considerados para avaliação.

Os trabalhos em desacordo com as normas aqui estabelecidas não serão avaliados.

ALERTA AOS AUTORES:

Não enviar trabalhos idênticos duplicados ou incompletos, por desatenção ou uso indevido do sistema eletrônico. Seguir as instruções na tela, clicando nos locais indicados.   As   páginas   apresentadas demonstrarão   de   forma   sequencial,   a formatação exigida pela Comissão Científica.

2 - PROCESSO DE JULGAMENTO, CLASSIFICAÇÃO E PREMIAÇÃO

Todo o processo de julgamento dos trabalhos será realizado de forma anônima

baseado na submissão eletrônica, antes do congresso.

O autor responsável pela inscrição do resumo do trabalho será notificado, pelo e -mail cadastrado, do recebimento dos trabalhos, logo após a sua FINALIZAÇÃO.

IMPORTANTE: Caso o autor do trabalho finalizado não tenha sido comunicado por e- mail em até 24h após a finalização da submissão, ele deverá entrar em contato imediato com a secretaria executiva através do e-mail. cientifico@intimeeventos com.br

2.1- JULGAMENTO

A Comissão de Avaliação dos Trabalhos Científicos do 32º CBCD, verificará o resumo do trabalho e o enviará a CINCO avaliadores (de áreas do conhecimento afins). Estes avaliarão de forma anônima e cega, de acordo com um formulário de notas padronizado, levando em consideração critérios de: originalidade, apresentação, metodologia e contribuição científica/social.

Nota:  Em caso de empate nas notas, os seguintes itens: avaliação global, relevância do estudo, resultados e discussão, métodos, ilustrações/figuras/tabelas, introdução, resumo, título, referências bibliográficas e por fim sorteio, nesta sequência, serão considerados para o desempate).

Os avaliadores não receberão trabalhos de suas instituições/cidades e tampouco os membros da Comissão de Avaliação dos Trabalhos Científicos distribuirão trabalhos de suas instituições.

A nota final do trabalho resultará da média das notas corrigidas dos CINCO avaliadores.

IMPORTANTE: Os autores devem estar cientes de que não caberá nenhum tipo de recurso relativo ao processo de julgamento de qualquer trabalho submetido ao 32º CBCD 2020

2.2 - JURI POPULAR - SESSÃO DE PÔSTERES ELETRÔNICOS

Serão selecionados os melhores trabalhos para exposição durante o congresso. Os trabalhos poderão ser votados eletronicamente, pelos congressistas durante a exposição, sendo o mais votado agraciado com o Prêmio do JÚRI POPULAR.

Os trabalhos serão divididos em 08 estações de vídeo, onde poderão ser visualizados pelos participantes.

Cada  participante  poderá  votar   apenas  uma  vez  em  cada um  dos     pôsteres selecionados.  O controle da habilitação para votar em cada estação se fará através de QR Code de identificação do seu crachá

O período para votação do Júri Popular terá início às 12h00 do dia 02 de maio (sábado) e se encerrará às 10h00 do dia 04 de maio 2020, a fim de permitir a apuração dos votos e a premiação ainda durante o congresso.

O valor do prêmio, atribuído pelo Júri Popular, ao Melhor Trabalho apresentado ao Congresso do ponto de vista dos participantes será de R$ 2.000,00 (dois mil reais) valor bruto.

2.3- CLASSIFICAÇÃO

A nota classificatória, para fins de apresentação oral, em e-poster e premiação, levará em conta a média composta pelas notas dos CINCO avaliadores. Serão escolhidos os melhores trabalhos para participarem  da  Sessão  Eletrônica  de  Pôsteres,  CAFÉ COM CIENCIA. Também serão escolhidos 09 trabalhos para apresentação e discussão oral, durante as Sessões TEMAS EM FOCO do 32. Congresso.

O trabalho será desclassificado, caso dois ou mais julgadores assim decidirem.

Numa segunda fase, os melhores trabalhos selecionados serão novamente avaliados por mais 2 novos avaliadores, caso nenhum o desclassifique, ou por mais 3 novos avaliadores, caso haja desclassificação por um dos três avaliadores. Obrigatoriamente, o sistema irá computar as notas de 5 avaliadores distintos para os melhores trabalhos, devendo ser descartada a maior e a menor. As três notas válidas irão compor a média, que representará a nota final do trabalho.

Pode acontecer de um mesmo trabalho estar classificado ou não entre os melhores trabalhos e ser também convidado para apresentação oral.

APRESENTAÇÃO ORAL DOS TRABALHOS:

Serão escolhidos 09 trabalhos para apresentação e discussão oral, durante as Sessões TEMAS EM FOCO do 32. Congresso.

Desta forma, os autores convidados deverão preparar a sua apresentação em ppt, independemente de terem feito o outro arquivo para a apresentação no formato jpg para o e-Poster.

A comunicação do dia e horário da apresentação será realizada até 20 de março de 2020, pela Secretaria executiva do congresso. Será enviado email para o correspondente indicado no trabalho.

PUBLICAÇAO DOS MELHORES TRABALHOS NO CONGRESSO:

Somente os melhores resumos dos trabalhos classificados estarão disponíveis pelo site e aplicativo do Congresso após 25 de março de 2020.

Serão exibidos na nos equipamentos da área do Café com Ciência (e-Pôster), todos os trabalhos na íntegra selecionados.

CONFEÃO DO PÔSTER ELETRÔNICO NA ÍNTEGRA – após seleção

Nesta segunda fase de submissão, todos os trabalhos selecionados para apresentação eletrônica na área Café com Ciência, estarão concorrendo ao prêmio de “Melhor Pôster do Júri Popular”. O trabalho deve ser encaminhado no formato indicado a seguir. O não envio do arquivo no prazo a seguir assinalado inviabilizará a sua exposição.

Data final para envio do E-Poster no formato completo JPEG :  20 de marco de 2020

Os autores têm total liberdade de escolher o editor gráfico que preferirem para a confecção do E-poster: CorelDraw, Adobe Photoshop, etc. O arquivo do pôster deverá ser inserido no sistema na extensão “JPEG” (não utilizar a compressão máxima para evitarmos distorções). O tamanho total da imagem será de 1080 (largura) x 1920 (altura), que é a capacidade máxima de resolução das TVs Full HD, onde será apresentado o pôster. Respeitar margens superior, inferior, direita e esquerda com no mínimo 50 pixels, para não haver problema com as molduras das TVs durante a exibição.

Para aqueles que não têm familiaridade com outros softwares, segue o passo a passo para utilização do programa Powerpoint.

Elaboração do E-Poster em POWERPOINT:

  1. Abra o programa  PowerPoint, clique em DESIGN e em CONFIGURAR PÁGINA.
  2. Na janela  CONFIGURAR PÁGINA,  no item “Slides dimensionados para”, faça a opção: PERSONALIZAR e altere os dados de largura e altura para:
  3. LARGURA = 28,58 cm    e  ALTURA = 50,8 cm
  4. O SLIDE PASSA AUTOMATICAMENTE PARA O FORMATO RETRATO
  5. Clique em  confirmar e poderá editar o seu slide, inserindo os dados referentes ao seu trabalho no formato retrato.
  6. As margens direita, esquerda, superior e inferior deverão ser de, no mínimo, 1,43cm no formato de arquivo ppt (que equivale a aproximadamente 50 pixels).
  7. Salve o  arquivo em JPEG, TIFF e BMP  e nos envie as três versões. Importante o arquivo não pode ultrapassar 10 Megas.

No arquivo salvo em JPEG, certifique-se de que as dimensões/resolução estejam em 1080×1920 pixels e que o arquivo não esteja superior a 10 Megas.

Entre na sua área restrita do site e anexe o arquivo.

CONFEÃO DO POWER POINT PARA APRESENTAÇÃO ORAL:

Os autores dos trabalhos classificados para apresentação ORAL serão notificados até 25 de marco de 2020 para a preparação dos arquivos. Os arquivos devem obedecer às normativas abaixo.

1– MINI-COMUNICAÇÃO: preparar em Powerpoint extensão .ppt/pptx no máximo de 12 telas e máximo 10Mb – Tempo de apresentação 05 cinco minutos: a primeira tela é para o título do trabalho, autores, serviço de origem,  ausência de conflito de interesse. Se houver conflito de interesse com o trabalho apresentado ou apoio de agência de fomento ou outro tipo de apoio, declará -los na tela de n°2. A última tela é para as referências.

Do ponto de vista prático sugerimos preparar como se fosse apresentação oral de mini-caso. Incluir o relato do caso (identificação, história clínica, métodos diagnósticos, tratamento e evolução), fotos clínicas, histopatológicas e outras se necessário. Usar imagens apresentadas na submissão e adicionar outras, se couber. A formatação de cores e layout é de livre escolha, mas sugerimos fundo branco, com logo da Universidade/Faculdade e letras em preto.

2– TRABALHOS DE INVESTIGAÇÃO E DISSERTAÇÃO/TESE: preparar em Powerpoint extensão .ppt/pptx no máximo de 16 telas e máximo 10Mb Tempo de apresentação 05 cinco minutos: a primeira tela é para o Título do trabalho, autores, serviço de origem, ausência de conflito de interesse. Se houver conflito de interesse com o trabalho apresentado ou apoio de agência de fomento ou outro tipo de apoio, declará-los na tela de n°2. A última tela é para as referências. Do ponto de vista prático sugerimos preparar como se fosse apresentação oral de trabalho de investigação: introdução, objetivos, material ou casuística, métodos, resultados, discussão e conclusão. Incluir tabelas, gráficos, fotos clínicas e histopatológicas (se pertinentes) e outras se necessário. Usar imagens apresentadas na

submissão e adicionar outras, se couber. A formatação de cores e layout é de livre escolha, mas sugerimos fundo branco com logo da Universidade/Faculdade e letras em preto.

Os ARQUIVOS dos trabalhos devem ser entregues em multimídia em formato powerpoint na sala do  Midia-desk, durante a realização do evento, com antecedência mínima de 3 horas para  que  possa  ser  adequadamente  programado  na  projeção  da  sala  onde  será exibido.

Tempo de apresentação: TRABALHOS DE INVESTIGAÇÃO, DISSERTAÇÃO/TESE e MINI-COMUNICAÇÃO –  05 minutos, no máximo, para cada trabalho.

Todos os trabalhos selecionados para apresentação oral, receberão Certificado de Apresentação Oral.

Essa apresentação dos trabalhos não será considerada para fins de premiação.

Café com CIÊNCIA – Meeting  

O congressista que se interessar por um determinado trabalho exposto e quiser se aprofundar mais no tema do mesmo poderá dirigir-se a uma das recepcionistas da ESTAÇAO CIENCIA e solicitar o agendamento com um dos autores do trabalho. Para tanto, basta informar o número do celular e e-mail, para que possa ser contatado assim que o autor confirmar o horário do encontro. Tão logo que o contato seja estabelecido com o autor, a recepcionista informará ao interessado qual a data e o horário do encontro. Duração do meeting: 20 minutos por trabalho.

INFORMAÇÕES GERAIS

O sistema eletrônico para envio de trabalhos científicos estará disponível de 01 a 20 de fevereiro de 2020. O preenchimento e o envio serão realizados exclusivamente por meio eletrônico no site oficial do congresso www.recife2020.com.br

Data limite para envio: impreterivelmente até às 24 horas de 20 de fevereiro de 2020.

Esclarecimentos de dúvidas sobre submissão e formulário eletrônico podem ser dirigidos a  

cientifico@intimeeventos.com.br

As opiniões e declarações contidas nos trabalhos submetidos ao 32º CBCD 2020 são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores, não sendo necessariamente coincidentes com as da Comissão Científica do Congresso.

Publicação dos Trabalhos

Os trabalhos aprovados NÃO serão corrigidos ou revistos pela Comissão Organizadora do Congresso e deverão ser publicados exatamente na forma como submetidos, sendo de exclusiva responsabilidade dos autores a correta redação.

Não serão aceitos pedidos de modificações em título, autoria, texto ou ilustrações após a submissão.

Os trabalhos premiados das categorias Investigação e mini casos, farão parte de um número do exemplar da revista científica SURGICAL & COSMETIC DERMATOLOGY (publicação da Sociedade Brasileira de Dermatologia).

A publicação destes trabalhos na íntegra obedecerá às normas de publicação estabelecida pela Revista.

Os demais trabalhos selecionados poderão ou não ser publicados, de acordo com a avaliação editorial.

Patrocínios

É obrigatório o preenchimento da declaração de conflitos de interesse e da informação de suporte financeiro para o trabalho.

     Qualquer espécie de apoio ou patrocínio deverá ser informado.

     É vedada a distribuição de material promocional de empresas patrocinadoras.

     As drogas e os produtos citados deverão ser identificados pela denominação genérica.

     Trabalhos em que os integrantes da comissão de avaliação são autores ou coautores

Não será permitida a veiculação de anúncios referindo os trabalhos apresentados no

32º CBCD 2020, que podem induzir à interpretação de que tenham sido endossados pelo Congresso ou pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Certificados

Os certificados de apresentação dos trabalhos no  32º CBCD 2020 serão disponibilizados fisicamente e eletronicamente, para o autor que realizar a submissão dos mesmos, na área do congresso – Café com Ciência – por favor retirá-los no Congresso. Será emitido um certificado para o trabalho e não por autor.

ROTEIRO A SER UTILIZADO PELA COMISSÃO DE AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS

Investigação e Dissertação / Teses

Questão Eliminatória Preliminar:

Há elementos que identifiquem autores, serviços ou instituições?

SIM – Trabalho desclassificado
NÃO – Prossegue a avaliação

1. Elementos do TÍTULO:

DESCREVE a ideia principal do estudo
Emprega PALAVRAS / TERMOS oriundos da nomenclatura científica

Quanto aos itens acima, o TÍTULO do trabalho é:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

2. Elementos do RESUMO:

Reúne as PRINCIPAIS INFORMAÇÕES para o entendimento do estudo
É ESTRUTURADO conforme as normas.
Emprega PALAVRAS / TERMOS oriundos da nomenclatura científica

Quanto aos itens acima, o RESUMO do trabalho é:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

3. Elementos da INTRODUÇÃO:

APRESENTA o problema estudado
JUSTIFICA a importância do estudo
Declara os OBJETIVOS do trabalho
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, a INTRODUÇÃO do trabalho é:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

4. Elementos dos MÉTODOS (PESO 2):

PERMITEM explorar os objetivos propostos
Definem AMOSTRAGEM e técnica ESTATÍSTICA de análise
Aprovação pelo comitê de ÉTICA da instituição (estudos com intervenções)
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, os MÉTODOS do trabalho são:

Excelentes (10 pontos)
Bons (8 pontos)
Médios (6 pontos)
Satisfatórios (4 pontos)
Ruins (0 ponto)

5. Elementos dos RESULTADOS E DISCUSSÃO:

Apresenta os PRINCIPAIS ACHADOS do estudo
ANALISA e INTERPRETA criticamente os resultados
COMPARA os dados com a literatura
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, os RESULTADOS e DISCUSSÃO do trabalho são:

Excelentes (15 pontos)
Bons (12 pontos)
Médios (9 pontos)
Satisfatórios (6 pontos)
Ruins (0 ponto)

6. Elementos das ILUSTRAÇÕES / FIGURAS / TABELAS:

APRESENTAÇÃO objetiva dos dados
QUALIDADE das imagens / tabelas
QUANTIDADE das imagens / tabelas
LEGENDAS claras e explicativas

Quanto aos itens acima, as ILUSTRAÇÕES do trabalho são:

Excelentes (5 pontos)
Bons (4 pontos)
Médios (3 pontos)
Satisfatórios (2 pontos)
Ruins (0 ponto)

ATENÇÃO: Caso o trabalho não necessite de ilustrações, e o autor não as tenha incluído, o item (ILUSTRAÇÕES / FIGURAS / TABELAS) deverá ser avaliado com a mesma pontuação que o item anterior (RESULTADOS e DISCUSSÃO).

7. Elementos das REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Apresentam FORMATO segundo a norma de Vancouver
São ATUAIS e RECENTES
São RELEVANTES para o estudo

Quanto aos itens acima, as REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS do trabalho são:

Excelentes (5 pontos)
Bons (4 pontos)
Médios (3 pontos)
Satisfatórios (2 pontos)
Ruins (0 ponto)

8. Elementos da RELEVÂNCIA DO ESTUDO:

Contribuição ORIGINAL para o conhecimento dermatológico
Relevância para a SOCIEDADE e SAÚDE COLETIVA

Quanto aos itens acima, a RELEVÂNCIA do trabalho é (Peso 2):

Excelente (10 pontos)
Bom (8 pontos)
Médio (6 pontos)
Satisfatório (4 pontos)
Ruim (0 ponto)

9. Avaliação GLOBAL do trabalho (Peso 3)

De forma geral o trabalho pode ser considerado:

Excelente (15 pontos)
Bom (12 pontos)
Médio (9 pontos)
Satisfatório (6 pontos)
Ruim (0 ponto)

Mini-casos cirúrgicos

Questão Eliminatória Preliminar:

Há elementos que identifiquem autores, serviços ou instituições?

SIM – Trabalho desclassificado
NÃO – Prossegue a avaliação

1. Elementos do TÍTULO:

DESCREVE a ideia principal do estudo
Emprega PALAVRAS / TERMOS oriundos da nomenclatura científica

Quanto aos itens acima, o TÍTULO do trabalho é:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

2. Elementos do RESUMO:

Reúne as PRINCIPAIS INFORMAÇÕES do(s) caso(s)
É ESTRUTURADO conforme as normas
Emprega PALAVRAS/TERMOS oriundos da nomenclatura científica

Quanto aos itens acima, o RESUMO do trabalho é:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

3. Elementos dos FUNDAMENTOS:

APRESENTA os principais elementos do procedimento relatado
JUSTIFICA a importância do relato
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, os FUNDAMENTOS do trabalho são:

Excelente (5 pontos)
Bom (4 pontos)
Médio (3 pontos)
Satisfatório (2 pontos)
Ruim (0 ponto)

4. Elementos do RELATO DO CASO (PESO 2):

Apresenta os PRINCIPAIS ASPECTOS relacionados ao procedimento
Explora de forma COMPLEMENTAR elementos diferenciais e confirmatórios da doença
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, o RELATO DO CASO do trabalho é:

Excelentes (10 pontos)
Bons (8 pontos)
Médios (6 pontos)
Satisfatórios (4 pontos)
Ruins (0 ponto)

5. Elementos da DISCUSSÃO (PESO 3):

ANALISA e INTERPRETA criticamente os resultados
COMPARA os dados com a literatura
REDIGE com clareza, concisão e usa corretamente o IDIOMA

Quanto aos itens acima, a DISCUSSÃO do trabalho é:

Excelentes (15 pontos)
Bons (12 pontos)
Médios (9 pontos)
Satisfatórios (6 pontos)
Ruins (0 ponto)

6. Elementos das ILUSTRAÇÕES / FIGURAS / TABELAS:

APRESENTAÇÃO objetiva dos dados
QUALIDADE das imagens / tabelas
QUANTIDADE das imagens / tabelas
LEGENDAS claras e explicativas

Quanto aos itens acima, as ILUSTRAÇÕES do trabalho são:

Excelentes (5 pontos)
Bons (4 pontos)
Médios (3 pontos)
Satisfatórios (2 pontos)
Ruins (0 ponto)

ATENÇÃO: Caso o trabalho não necessite de ilustrações e o autor não as tenham incluído, o item (ILUSTRAÇÕES / FIGURAS / TABELAS) deverá ser avaliado com a mesma pontuação que o item anterior (DISCUSSÃO)

7. Elementos das REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Apresentam FORMATO segundo a norma de Vancouver
São ATUAIS e RECENTES
São RELEVANTES para o estudo

Quanto aos itens acima, as REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS do trabalho são:

Excelentes (5 pontos)
Bons (4 pontos)
Médios (3 pontos)
Satisfatórios (2 pontos)
Ruins (0 ponto)

8. Elementos da RELEVÂNCIA DO CASO:

Descrição ORIGINAL de caso ou procedimento (comprovado pela literatura)
Relevância para a SOCIEDADE e SAÚDE COLETIVA

Quanto aos itens acima, a RELEVÂNCIA do trabalho é (Peso 2):

Excelente (10 pontos)
Bom (8 pontos)
Médio (6 pontos)
Satisfatório (4 pontos)
Ruim (0 ponto)

9. Avaliação GLOBAL do trabalho (Peso 3):

De forma geral o trabalho pode ser considerado:

Excelente (15 pontos)
Bom (12 pontos)
Médio (9 pontos)
Satisfatório (6 pontos)
Ruim (0 ponto)

IMPORTANTE: Os trabalhos podem apresentar, por avaliador, notas que variam de ZERO a 75.